Conferência da reforma agrária – Atividades culturais

Conferência da reforma agrária – Atividades culturais

Mesclar o debate sobre o desenvolvimento rural com a diversidade cultural que vem do campo foi objetivo dos eventos culturais paralelos. A programação incluiu ciclo de cinema, shows de música e duas exposições fotográficas: “Sons e Imagens da Terra” e a inédita “Pele Rural”, do Grupo Kaos/Unisinos. Também foi realizado um grande festival gastronômico, com a participação de restaurantes que criaram pratos especiais com alimentos da agricultura familiar – um pacote cultural que extrapolou os limites do evento e contagiou toda a capital gaúcha.

Artistas como Elza Soares, Naná Vasconcelos e Alceu Valença movimentaram o Salão de Atos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Bataclã FC, Casa de Farinha, a Barca e DJ Dolores também embalaram o público. Nas telas do Cine Santander Cultural, foram exibidos 14 filmes com curadoria de Ana Azevedo – curtas, médias e longas – como “Vidas secas”, de Nelson Pereira dos Santos; “O homem que virou suco”, de João Batista de Andrade e “Un poquito de agua”, de Camilo Tavares e Francisco Zapata, entre outros.


Ministério do Desenvolvimento Agrário e Ministério das Relações Exteriores
Identidade visual e peças gráficas promocionais, de sinalização e divulgação do evento
2008